Com a negociação envolvendo o Olympique de Marselle e o Flamengo por Gerson, o pai do jogador, Marcão foi procurado pela imprensa francês. Em contato com o jornalista Eric Frosio, do portal Le Equipe, ele demonstrou animação com a possibilidade do filho retornar à Europa:

— O clube está pronto para fazer um grande esforço. Estamos cientes disso. É uma honra ser desejada por um clube como este!, afirmou o pai do jogador, de 23 anos, que atuou no futebol italiano por Roma e Fiorentina.

O Flamengo rejeitou inicialmente uma oferta em torno de 25 milhões de euros (cerca de R$ 160 milhões), no entanto, o Rubro-Negro conversa para tentar chegar aos 30 milhões (cerca de R$ 192 milhões). Uma possível transferência de Gerson é vista com bons olhos pelo clube devido a necessidade de cumprir as metas orçamentárias para 2021.

Além de tentar aumentar o valor da negociação, o clube carioca ainda quer permanecer com 20% dos direitos econômicos do atleta, para lucrar em uma futura venda do jogador. Gerson foi convocado recentemente para defender a seleção brasileira olímpica.

O Flamengo já tem um plano B definido para uma possível substituição. Trata-se de Thiago Maia. Em caso de venda do camisa 8, a diretoria vai buscar a contratação definitiva do meia Thiago Maia.

A qualidade de Maia é indiscutível, e por ele estar adaptado ao clube, após quase 1 ano, a diretoria vê com bons olhos uma compra do jogador.

A negociação irá ocorrer até se Gerson ficar, entretanto, vai depender de como estará o clube financeiramente daqui a alguns meses.