Leonardo Jardim ‘descarta’ Flamengo e diretoria estuda outros 2 técnicos

O técnico português Leonardo Jardim, bem avaliado pela diretoria do Flamengo para o lugar de Jorge Jesus, não tem interesse em trabalhar no Brasil nesse momento e já disse a pessoas próximas que recusará uma eventual oferta.

Segundo a reportagem apurou, agentes ligados ao treinador tomaram conhecimento do interesse do clube carioca, mas já indicaram ao mercado que agora a prioridade de Jardim é ficar na Europa, onde trabalhou até 2019.

O Flamengo tem conhecimento da preferência, mas pretende fazer um contato oficial para ouvir do técnico e de seu estafe se o projeto no Brasil de fato está descartado.

No entanto, o alvo mais factível no momento é Carlos Carvalhal, que comanda o Rio Ave, e tem contrato chegando ao fim depois do fim de semana, quando encerra participação no Campeonato Português. O espanhol Domènec Torrent é outra opção.

Ex-Monaco, Jardim foi bem avaliado na comparação ao estilo de Jorge Jesus. Ele prefere distribuir seu time no 4-4-2, o que mexeria no desenho (4-1-3-2), mas não nas funções dos jogadores.

Willian Arão continuaria a ser o homem da saída de bola, enquanto Gerson ditaria o ritmo do meio-campo, abastecendo Arrascaeta e Everton Ribeiro nas pontas. A mobilidade de Gabigol e Bruno Henrique seria preservada.

Aos 45 anos, desempregado desde a saída do Monaco, no ano passado, o treinador é considerado um profissional versátil, e se deu muito bem com tal proposta de equipe vertical na conquista do título francês de 2016/17.

error: