25 milhões de euros.

Seria um ótimo investimento, para quem gastou 11,8 milhões de euros, cerca de R$ 75,6 milhões, em agosto de 2019.

Mas a diretoria do Flamengo recusou de forma firme, definitiva, a oferta oficial do Olympique de Marseille por Gerson, seu meio-campista.

A multa rescisória do jogador é de 70 milhões de euros, cerca de irreais R$ 448 milhões.

A direção do Flamengo quer 35 milhões de euros, cerca de R$ 224 milhões.

O jogador, que fará 24 anos daqui cinco dias, se mostra disposto a voltar para a Europa.

Ele veio da Roma, onde não encontrou espaço.

Acabou acertando contrato de quatro anos.

Entre luvas e salários, ele recebe cerca de R$ 800 mil, cerca de 124 mil euros.

Situação que o incomoda.

Porque na Roma, ele recebia bem mais.

Fora querer dar a volta por cima, provar que tem condições de jogar em um clube grande europeu.

25 milhões de euros, R$ 160 milhões foi só a primeira oferta do Olympique.

A proposta vai aumentar.

Ainda mais agora que Gerson faz parte da Seleção Olímpica.

A direção do Flamengo tem certeza que vai lucrar muito mais…