Depois de pouco mais de três semanas de negociações, o Flamengo concluiu a venda de Gerson para o Olympique de Marseille, da França. O volante de 24 anos assinou um contrato de cinco temporadas com o clube francês. A informação inicial foi trazida pelo GE e confirmada pela Goal.

Apesar de já ter assinado com os franceses, Gerson é esperado no Rio de Janeiro após os amistosos da seleção olímpica. O jogador ainda pode vestir a camisa rubro-negra, e tudo vai depender dos desfalques da equipe na Copa América.

O Flamengo vai receber cerca de 25 milhões de euros (R$ 154 milhões) pelo volante e manterá um percentual de uma venda futura entre 15% a 20%. Além disso, vale ressaltar, que o clube carioca terá que repassar 10% à Roma, antiga equipe de Gerson.

Segundo apuração da Goal, Gerson poderá render ainda mais caso alcance algumas metas como quantidade de jogos, convocações para a seleção principal, classificação na Champions League e a conquista do título francês.

O volante foi um pedido especial do técnico Jorge Sampaoli. Além disso, o fato do argentino já conhecer Gerson influenciou positivamente na negociação. Desde o início do ano, o atleta via com bons olhos um retorno ao futebol europeu, e seus agentes estavam em busca de propostas. O Marseille, no entanto, foi o único time que oficializou uma proposta.

No acordo com os franceses, Gerson fez um pedido especial: o de ser liberado para disputar os Jogos Olímpicos. Assim, ele ficará à disposição do técnico André Jardine depois do dia 10 de julho.