Após série de reuniões, Flamengo define futuro de Rogério Ceni

Rogério Ceni viu a pressão aumentar após as duas derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro, para Fluminense e Ceará, mas ganhou um voto de confiança para seguir no comando do Flamengo.

Após uma série de reuniões entre membros da diretoria rubro-negra nesta segunda-feira (11), no Rio de Janeiro, ficou definido que ex-goleiro terá mais tempo para tentar fazer o Flamengo reagir após os tropeços no Maracanã. Os encontros estavam previstos desde domingo, logo após o revés para o Ceará.

Segundo apurou a reportagem, apesar dos resultados insatisfatórios (44,4% de aproveitamento), Ceni não é visto como o único problema para a má fase do Flamengo.

Entende a cúpula diretiva do clube que não seria benéfica uma troca no comando faltando menos de dois meses para o encerramento do Campeonato Brasileiro. A competição se encerra em 24 de fevereiro, daqui nove rodadas. O Flamengo tem dez jogos, pois ainda enfrenta o Grêmio, em Porto Alegre, em duelo adiado.

Além disso, julgou-se que outros erros cometidos durante a temporada, como escolhas erradas de contratações até a saída de pilares do elenco, como Rafinha e Pablo Marí, interferem e são também responsáveis pela turbulência de momento.

Eliminado da Conmebol Libertadores e da Copa do Brasil de forma precoce, o Flamengo tem somente o Brasileiro para disputar. Com 49 pontos conquistados, o Rubro-Negro está ocupa a 4ª colocação na tabela, sete pontos a menos que o líder São Paulo.

error: